Vea cA?mo será la construcción del 1er túnel submarino de Brasil

11 noviembre 2014

Un túnel bajo el agua va A�a unir a las ciudades de Santos y GuarujA? en el litoral paulista. Las obras deberA�an comenzar en enero de 2015 concluyendo en el 2018. Se trata del primer túnel de este tipo en Brasil.

Fuente: Exame.com

SA?o Paulo – Um túnel debaixo d’A?gua vai ligar as cidades de Santos e GuarujA?, no litoral paulista. Com obras previstas para comeA�ar em janeiro de 2015, ele deve estar pronto atA� 2018. Trata-se do primeiro túnel desse tipo no Brasil.

«Em funA�A?o do intenso movimento de barcos na regiA?o, nA?o valia a pena construir uma ponte elevadiA�a», afirmou em entrevista a EXAME.com Estanislau Marcka, coordenador do projeto.

Batizado de Submerso, o túnel sob o canal do porto de Santos terA? 1,7 quilA?metro de extensA?o e 21 metros de profundidade. Quando estiver pronta, a obra de 2,8 bilhA�es de reais vai atender cerca de 40 mil pessoas por dia. O dinheiro vem do BNDES e do Tesouro do Estado de SA?o Paulo.

ConstruA�A?o

Para construir o Submerso, será usada uma tecnologia parecida com a do Transbay Tube de SA?o Francisco (Estados Unidos) e outros tA?neis do tipo. «HA? 150 tA?neis como esse ao redor do mundo», afirmou Marcka, coordenador.

«Cada elemento comporta 2 pistas com 3 faixas de rolamento e uma galeria central de 5 metros para circulaA�A?o de pedestres e ciclistas», explicou Marcka.O Submerso será construA�do fora d’A?gua e em partes. Chamadas de elementos pelos engenheiros, essas partes seráo feitas de concreto armado terA?o 10 metros de altura, 37 metros de largura e 145 metros de comprimento. A�Ao todo, seráo seis elementos.

O cronograma do projeto prevA? a construA�A?o de trA?s elementos de cada vez. Depois de prontos e vedados, eles seráo levados para o canal por rebocadores. Com lastros provisA?rios na parte interna, os elementos afundarA?o na A?gua.

Por meio de um posicionamento preciso, encaixes e aplicaA�A?o de concreto, as partes do túnel seráo unidas debaixo d’A?gua. Na parte externa do Submerso, uma cobertura com pedras servirA? para evitar o choque de navios na estrutura.

No fim, o vedamento dos elementos será desfeito e o túnel estarA? pronto.

100 anos

«Esse túnel A� pensado para ficar inteirA?o durante uns 100 anos», afirmou Marcka.

Segundo ele, A� possA�vel que outros tA?neis como o Submerso sejam construA�dos no canal do porto de Santos (para movimentaA�A?o de carga) e mesmo em outras partes do Brasil – como a BaA�a de Guanabara, no Rio de Janeiro.

«Esse vai ser o primeiro de uma sA�rie. Creio que outros virA?o», garantiu ele.